PablitoDiz – O Cão

Mais um texto do meu blog antigo PablitoDiz, 2003..

O Cão

O cachorro saiu cheirando tudo o que encontrava pela frente, numa curiosidade tal que nem podia parar pra olhar pro lado. Cheirava e cheirava. Nem sabia como prosseguir, não sabia como chegar, nem como continuar. Ah, que cachorro. Se acha muito do esperto, muito do que se pode dizer do mais brincalhão. Mas na realidade ele não gosta de ficar cheirando, mas é isso o que lhe resta além de tentar brincar e dormir. Seu olfato lhe apresenta o fato de que ele tem de fato que ficar cheirando mesmo. Ele escuta e cheira. Ele vai além, chora. E cheira. Ele se depara com outros cães e cheira. Os cães o cheiram. Há um cheirinho de coisa nova no ar. Meio filme noir. Cheira, cheira e cheira. E a história não se conclui pq ele só cheira … Ele cheira a lixeira, a mexeriqueira fofoqueira, a esteira, toda a ladeira, inclusive a beira. E vai, talvez sem eira nem beira. Até que encontra os olhos dela, os da dona da cadela, e dela só quer, na realidade, um pedaço de mortadela, nada de romance canil, mas um pedido de comida, mais importante do que um romance. Ele cheirou a cadela e desejou a morte dela.

4 Respostas to “PablitoDiz – O Cão”

  1. Dani Almeida Says:

    Conselho para entender os textos de “PABLITO DIZ”:

    Se vc ler o texto umas 3x, bem devagar e ainda assim não fizer idéia do q se tratou…. Calma, vc não é estúpido!!! A verdade é q eles nem sempre fazem sentido mesmo! (principalmente pra quem escreveu!)

    hahahahahahahahahahah!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Eryenny Says:

    “Conselho para entender os textos de “PABLITO DIZ”:

    Se vc ler o texto umas 3x, bem devagar e ainda assim não fizer idéia do q se tratou…. Calma, vc não é estúpido!!! A verdade é q eles nem sempre fazem sentido mesmo! (principalmente pra quem escreveu!)

    hahahahahahahahahahah!!!!!!!!!!!!!!!!”²

    eu não entendi pacas [:o]
    e eu sou fraca kkkk

  3. Bruna Cabral Says:

    AAAh, não concordo com os comentários acima!

    O texto faz sentido sim, e é muuito bonitinho.
    Rimas bonitinhas, história bonitinha. Adorei!

  4. Du Faim Says:

    O cahorro só cheira? Que texto sem eira nem beira. Pô Warley, aí você sacaneia.
    Até deu pra entender, mas que esforço se há de fazer.

    Brincadeiras à parte, admiro essa arte e tudo da qual faz parte.

    Abs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: